clicRBS
Nova busca - outros

Notícias

 | 30/03/2004 18h53min

Filmes retratam período da crise que culminou na ditadura militar

Os primeiros filmes retratando a instalação da ditadura e suas conseqüências para o Brasil começaram a surgir na década de 80, quando muitos cineastas – alguns exilados nos primeiros anos do regime militar – passaram a denunciar através de documentários e obras de ficção a ação violenta e repressora dos generais. Tendo como pano de fundo situações cotidianas, a maioria dos filmes desse período procurou retratar de que forma o golpe de 1964 mudou a vida dos brasileiros. Selecionamos alguns títulos que retratam a realidade anterior ao golpe e as primeiras mudanças do regime militar.

Anos Rebeldes
Direção: Denis Carvalho (1992)

Minissérie produzida para a TV, enfoca a trajetória de um grupo de amigos, desde os seus anos escolares, os Anos Dourados (década de 50), até o período de intensas mudanças e engajamento político, os Anos Rebeldes, década de 60, e no auge da repressão na década de 70, os Anos de Chumbo. Reinterpreta, de forma livre, as atividades culturais e sociais e os conflitos ideológicos e políticos dessas fases da história brasileira.

Cabra Marcado Para Morrer
Direção: Eduardo Coutinho (1984)

A reforma agrária, tema do filme, é uma questão atual e polêmica. Em 1961, o advogado e político pernambucano Francisco Julião divulgou entre os trabalhadores rurais do Brasil a Carta de Alforria, conclamando-os à união em Ligas Camponesas ou em sindicatos. Os camponeses organizaram ligas, passando a reivindicar direitos trabalhistas e a divisão das terras dos latifundiários. Vários conflitos – tiroteios, tocaias, assassinatos – ocorreram no Nordeste.

O filme conta a trajetória de Elizabete Teixeira, viúva de João Pedro Teixeira, morto em uma tocaia, ao continuar a luta de seu marido como presidente da Liga Camponesa de Sapé, na Paraíba.

Jango
Direção: Silvio Tendler (1984)

O relato do filme, produzido depois de pesquisa intensa em telejornais e com depoimentos de historiadores, é muito esclarecedor sobre a atuação do governo João Goulart, último presidente eleito antes de 1964.

As reformas de base propostas no governo de Jango – agrária, bancária, fiscal e outras – e a política externa independente provocaram violenta oposição em diferentes segmentos da sociedade civil e militar, culminando na queda de Goulart com o Golpe Militar de 1964. O filme ajuda a compreender estes fatos.

Jânio a 24 Quadros
Direção: Luiz Alberto Pereira (1981)

O documentário Jânio a 24 Quadros traz uma retrospectiva política do Brasil desde a década de 50, fazendo uma análise dos motivos que levaram Jânio à renúncia e da sua influência na instalação do regime militar. Com imagens de arquivo, o diretor Luiz Alberto Pereira criou um inventário visual de quase três décadas da História brasileira, que abrage o desenvolvimentismo de Juscelino Kubitschek, a ditadura militar, a censura, o movimento estudantil e dos trabalhadores e a Anistia.

Tendo a figura excêntrica de Jânio Quadros como pivô, todos esses momentos do passado da nação são relembrados por uma discussão discreta a respeito dos meandros da política nacional.

Os Anos JK – Imagens Apreendidas
Diretor: Sílvio Tendler (1980)
 
O documentário centraliza-se na figura do ex-presidente Juscelino Kubitschek, analisando a história política brasileira de 1945, quando termina o Estado Novo, até o final dos anos 70. O filme de Sílvio Tendler mistura imagens de arquivo e depoimentos de personagens.

 
SHOPPING
  • Sem registros
Compare ofertas de produtos na Internet

Grupo RBS  Dúvidas Frequentes | Fale Conosco | Anuncie | Trabalhe no Grupo RBS - © 2022 clicRBS.com.br • Todos os direitos reservados.